quinta-feira, 31 de março de 2011


Saudade.
Já não sei se é a palavra certa pra usar.
Ando com saudades do que fui, do que não foi.
Sinto um desejo insasiavel pra voltar ao passado,
não que meu presente não seja bom, é gostoso.
Mas sinto aquele carinho, quando lembro do passado.
Quando me refiro a passado não são de amores passados,
não me interprete mal.
São de emoções vivida e sentimentos sentidos,
são de amor e carinho não de pessoas.
Tô sentindo saudade do creme de alho passado na minha cara,
enquanto eu estudava e de quando eu dancei I've got sunshine
com as luzes apagadas. São desses momentos que tenho saudade.

quarta-feira, 30 de março de 2011


" Odeio o modo como fala comigo, e como corta o cabelo. Odeio como dirige o meu carro e odeio seu desmazelo. Odeio suas enormes botas de combate e como consegue ler minha mente. Eu odeio tanto isso em você, que até me sinto doente. Odeio como está sempre certo e odeio quando você mente. Odeio quando me faz rir muito, mais quando me faz chorar... Odeio quando não está por perto e o fato de não me ligar. Mas eu odeio principalmente, não conseguir te odiar, nem um pouco, nem mesmo por um segundo, nem mesmo só por te odiar. "  

Filme: Dez coisas que odeio em você



terça-feira, 22 de março de 2011


Eu quero a sorte de um amor tranquilo,
com sabor de fruta mordida